Arquivo da categoria: Recicláveis

LAMPARINA DE MATERIAL RECICLADO – PAP

Padrão

0

Olá queridos seguidores!

Nessa época de chuvas e tempestades a luz tá danada pra acabar, né?

Fui eu, com toda a família buscapé (avós, tios, primos, irmão, pais, namorado…) passar réveillon na maior confusão num rancho beira-mar. Tudo lindo: praia, sol, mar, um monte de gente pra cozinhar, tomar banho, e eis que a energia acaba!!!!

Imagina o caos que se instalou. Gente de 11 a 94 anos tendo que tomar banho com água fria  e no escuro. E, pra completar, só tínhamos mais 4 velas, sem previsão de retorno da luz, e ilhados pela chuva.

Mas meu pai, um físico-engenheiro-inventor-faz tudo, sugeriu que fizéssemos umas lamparinas pra poder passar a noite toda, já que as velas estavam no fim…

Gostei tanto de fazer que resolvi registrar o passo a passo. As fotos não ficaram muito boas porque a iluminação à luz de velas não é a ideal, mas dá pra entender como se faz…

Você vai precisar de:

  • 1 rolha (dá para 3 lamparinas),
  • 1 pedaço de barbante ou pavio de vela,
  • 1 latinha de cerveja para cada lamparina,
  • água,
  • óleo de cozinha,
  • tesoura,
  • 1 prego para fazer furos.

Primeiro passo – corte a rolha em 3 partes iguais na diagonal, cuidando para que estes pedaços fiquem bem retos. Com o prego, faça um furo no meio da rolha e, por ele, passe um pedaço de barbante dobrado ao meio, deixando uma parte de barbante de cada lado da rolha:

1Segundo passo – corte um pedaço da latinha do tamanho da circunferência da rolha. Faça o mesmo furo que você fez na rolha para passar o pavio também:

*Essa foi uma adaptação que fiz, pois na primeira lamparina que fizemos a rolha pegou fogo! Esta chapinha de metal servirá para evitar que o fogo toque a rolha.

2

Terceiro passo – passe o pavio que já estava na rolha pelo orifício da chapinha de metal que você acabou de cortar:

3_Quarto passo – apare as bordas do pedaço de latinha de modo que ele fique com o mesmo formato da rolha:

4_Quinto passo – corte o fundo de uma latinha e encha-o de água e óleo (na proporção de 3 partes de água para uma de óleo). Coloque a rolha preparada delicadamente sobre o líquido, de modo que uma parte do pavio fique mergulhada na mistura de água e óleo e a parte com a chapinha de metal fique virada para cima:

6_Sexto e último passo – acenda sua lamparina e aproveite o clima! Ela vai durar umas 8 horas acesa, pelo menos.

7_

 

Legal, né??

Inté!!!

GUIRLANDA ECOLÓGICA DE NATAL… com PAP

Padrão

Olá queridos seguidores do blog!

Com esse clima de fim do mundo, temos que comemorar o natal como se fosse o nosso último, né???!!!

E para começar as comemorações, bora enfeitar nossas casas?

Fiz um passo a passo beeem simples de uma guirlanda mais simples ainda de fazer, utilizando cascas de árvores e sementes que encontrei por aí. O mais legal é que cada pessoa vai fazer um tipo de guirlanda de acordo com os tipos de árvores que encontrarem em cada região do nosso Brasilzão!

A guirlanda é essa aqui, ó:

DSC00792

 

E o PAP é assim:

Você vai precisar de um prato de papelão de festas. Escolhi um bem grande para que minha guirlanda também ficasse grandona. Vire-o ao contrário e corte um círculo bem no centro dele:

DSC00784

 

Depois pinte o verso do prato com tinta guache marrom (pode ser verde que fica lindo também):

DSC00785

 

DSC00786

Recolha as mais variadas sementes, cascas e folhas de árvores que você conseguir:

DSC00778

 

Depois de seca a tinta do prato de festa, comece a colar os enfeites (sementes, cascas, etc) com cola quente. Pode usar outros tipos de cola, como a Super Bonder, por exemplo.

DSC00788

Fixe, também com cola quente, um pedaço de corda ou barbante no verso da sua guirlanda. Para reforçar essa parte, que servirá para pendurá-la, cole um pedaço de tecido com cola quente em cima da cordinha:

DSC00790

 

E está pronta!

Feliz Natal!!!! Que seus corações fiquem em paz e que a saúde e amor venham ao encontro de todos nós!!! 

Inté!

MEUS ALUNOS DO PROEJA & SUA ÁRVORE DE NATAL DE GARRAFAS PET

Padrão

Olá Pessoal!

Em primeiro lugar, devo pedir desculpas por tanto tempo sem postar aqui no blog… Mas é que depois de uma greve de quase 2 meses, as aulas aqui estão puxadas! Tô dando aula até em feriado!!!

Mas volto com uma novidade bem legal: uma árvore de natal bem ecológica, feita pelos meus alunos de artesanato do curso Técnico em Alimentos do PROEJA (educação de jovens e adultos).

arvore 2

O material que utilizamos foi o mais simples e ecológico possível:

– Um pote de vidro grande (acho que era de palmitos);

– Um montão de garrafas PET verdes (não contei quantas foram, mas sei que mais de 70, pelo menos);

– Um cabo de vassoura velhinho;

– Argila para fixar o cabo de vassoura;

– Cascas de árvore que coletamos na nossa escola mesmo e que têm um formato bem interessante, parecem estrelinhas;

– Vela para esquentar as tiras de PET e, desse modo, entorta-las e molda-las;

– Um anjinho feito com rolo de papel toalha, um bola de isopor e serragem;

– Fuxicos feitos com retalhos de tecidos.

E aqui está a turma trabalhando:

Encaixando as garrafas no cabo de vassoura:

DSC00713

 

Fazendo os fuxicos para enfeitar nossa árvore:

DSC00717

E aqui o resultado final:

DSC00721

SORTEIO – CAMISETA ECOLÓGICA DA PICARD… PARTICIPE!!!

Padrão

Olá queridos e queridas!

Depois de um tempinho em off aqui do blog, volto com uma novidade prá lá de especial!

Lembram-se da loja PICARD, que faz aquelas camisetas super bacanas de material altamente sustentável como PET e algodão orgânico? Pois é! Conforme prometido, vamos sortear uma camiseta aqui pelo blog!

A camiseta sorteada é feita de PET (salve a reciclagem!), com uma estampa “Batman e Robin” especialmente criada pelos designers da Picard.

É essa aqui, ó:

Mas você também pode optar pela masculina:

E vamos ao que interessa! Para participar do sorteio, basta:

SE INSCREVER PARA O SORTEIO e depois COMPARTILHAR aqui:

https://www.facebook.com/GuiaInstintoVerde/app_165114686916599

Lembrem-se: a inscrição será feita somente pela página do facebook do Guia Instinto Verde!

Para que o sorteio tenha validade, temos que atingir um número mínimo de 40 compartilhamentos!

Curta também as páginas da Picard no facebook (http://www.facebook.com/lojadapicard) e do Guia Instinto Verde (https://www.facebook.com/GuiaInstintoVerde)

Boa sorte!!!

PUFE DE GARRAFAS PET – PASSO A PASSO

Padrão

Depois de não ter mais espaço em casa para ampliar a minha horta vertical em garrafas PET, fiquei pensando no que fazer com o restante das garrafas que acumulei durante todo este tempo.

Vale lembrar que tive uma “senhora” contribuição do buffet Gourmeteria. Eles guardaram umas 200 garrafas pra mim. Valeu, Vinha!

Voltando ao “problema”… Eu já estava pensando em arranjar uns bancos ou pufes que ornassem com a hortinha, que pudessem ficar na chuva e que fossem ecologicamente corretos. Sendo assim, achei a solução!

E aqui está o passo a passo do primeiro de muuuitos pufes que farei para colocar no meu jardim, próximos à horta vertical:

Você vai precisar de:

  • 38 garrafas PET iguais (mesmo tamanho e cor);
  • uma tesoura;
  • um rolo de fita colante transparente larga (durex).

Passo 1 – Separe as garrafas que são iguais (as transparentes, as coloridas, as de 2 litros, as de 2,5 litros e assim por diante ). Lave-as bem e deixe secar invertidas para que não fique nada de água dentro delas:

Passo 2 – Forme duplas de garrafas iguais. Corte o gargalo de uma das duas: 

Passo 3 – Aqui está o resultado do corte feito em uma das garrafas: 

Passo 4 – Insira o gargalo recortado na garrafa:

Passo 5 – Aperte o gargalo até que fique bem encaixado no fundo da garrafa:

Passo 6 – Agora insira a garrafa inteira (não recortada) dentro da primeira garrafa (com o gargalo recortado):

Passo 7 – Repita os passos 2 a 6 com outras 18 duplas de garrafas:

Passo 8 – Com o durex vá juntando 3 duplas de garrafas, formando blocos:

Passo 9 – Junte os blocos de 3 com durex até formar o pufe, que ficará assim:

A Mafalda resolveu dar uma forcinha no quesito reciclagem e transformou o lixo em cama enquanto eu fazia o pufe:

… Porque o lema da Mafalda é “transformar lixo em luxo!”

Espero que tenham gostado!!!

Inté!

E A HORTA CONTINUA CRESCENDO…

Padrão

Queridos leitores,

hoje farei somente uma breve postagem para mostrar como a horta orgânica em garrafas PET tem crescido cada dia mais!

Também aproveito para deixar algumas pequenas dicas

Uma ótima dica (que descobri sem querer…) é plantar estas alfaces roxas:

Nelas vão brotando pequenos “galhos”. Aí, você pode ir cortando-os e, dessa forma, vai colhendo pequenos pés de alface sem ter que arrancar o pé inteiro. A planta rebrota em poucos dias sem que você precise substituí-la por uma nova muda. Veja no detalhe da foto os “galhos” que falei:

Outra hortaliça que cresce muito bem e que também pode ser podada (ao invés de arrancada), é a chicória.

Esta é a quantidade colhida de uns 4 pés de chicória:

E aqui está a quantidade colhida de 2 pés de alface roxa:

Estas são boas dicas pra quem mora em apartamento e quer plantar hortaliças, mesmo que em pequenos vasos! Toda semana tem uma boa quantidade de plantinhas pra você se deliciar. E o melhor: SEM AGROTÓXICOS!

Inté!

PAP – HORTA VERTICAL ORGÂNICA EM GARRAFAS PET

Padrão

Atendendo à pedidos!!!!…

Fotografei o passo a passo da minha hortinha vertical 100% orgânica. Agora, todos que tinham vontade de fazer uma dessas em casa, podem pegar as dicas que deixo aqui:

Os materiais utilizados para cada fileira de sete garrafas são:

– 7 garrafas PET todas da mesma cor (aqui usei verde) com tampinhas também de cores iguais (usei as pretas);

– 2 ganchos de metal e furadeira para pendurar as garrafas na parede;

– 1 cabo de aço para varal de, aproximadamente, 1,5 metro cortado ao meio para pendurar as garrafas;

– terra vegetal, terra orgânica e esterco curtido;

– mudas de hortaliças diversas – sugestões: alface, rúcula, chicória, espinafre, etc.

  • 1o passo – faça um corte quadrado ou oval em um dos lados da garrafa deixando, assim, o espaço suficiente em que a muda será plantada e cresça. Repita este passo em todas as garrafas que você for utilizar para plantar suas hortaliças:

Imagem

  • 2o passo – no lado oposto da garrafa faça furos (muitos) que servirão para que o excesso de água escorra:

Imagem

  • 3o passo – em cada uma das duas extremidades da garrafa faça um furo por onde será passado o arame que irá fixá-la na parede. Este mesmo furo deverá ser feito no lado oposto da garrafa, para que o arame vare a garrafa de um lado para o outro (o furo mostrado na foto é este próximo à tampinha da garrafa):

Imagem

  • 4o passo – na parede onde a sua hortinha será montada, fixe 2 ganchos de metal para cada fileira de garrafas à ser fixada. A distância entre os dois ganchos dever ser de, aproximadamente, um palmo. Em um dos ganchos, amarre a ponta do fio de aço para varal para começar a pendurar as suas garrafas:

Imagem

  • 5o passo – a outra ponta do arame deve ser passada pelos furos feitos em uma das extremidades da garrafa, começando pelo furo da parte de cima da garrafa (onde ficará a planta):

Imagem

  • 6o passo –  e saindo por baixo da garrafa (onde escorrerá o excesso de água):

Imagem

  • 7o passo – a garrafa deve ser então posicionada na altura a ser fixada (mais ou menos um palmo abaixo dos ganchos da parede):

Imagem

  • 8o passo – faça um nó no fio de aço de modo que a garrafa não escorregue e fique no local desejado:

Imagem

  • 9o passo – neste momento, a garrafa ficará assim:

Imagem

  • 10o passo – repita os passos 5, 6, 7 e 8 com as outras seis garrafas, deixando sempre em torno de um palmo de distância entre cada garrafa:

Imagem

  • 11o passo – neste momento, as garrafas estarão presas por uma de suas extremidades:

Imagem

  • 12o passo – o nó de finalização da última garrafa  deve ser reforçado:

Imagem

  • 13o passo – com o outro pedaço do fio de aço, faça um nó reforçado em uma das suas extremidades e passe-o pela garrafa (agora de baixo para cima):

Imagem

  • 14o passo – alinhe a última garrafa paralela ao chão e puxe o fio de aço até a altura da penúltima garrafa. ps: atenção para a técnica sofisticada de alinhamento com os pés!

Imagem

  • 15o passo – faça um nó no fio para que ele segure a garrafa na altura desejada e, então, passe-o para o outro lado:

Imagem

  • 16o passo – repita os passos 14 e 15 nas demais garrafas, até chegar na última (próxima aos ganchos), cuidando para que as garrafas fiquem sempre paralelas umas às outras:

Imagem

  • 17o passo – quando chegar na última garrafa, passe a extremidade do fio de aço pelo gancho livre e dê um nó bem forte:

Imagem

  • 18o passo – pronto! Agora suas garrafas já estão fixadas:

Imagem

  • 19o passo – agora é hora de preparar a terra e plantar suas mudinhas! Misture as mesmas proporções de terra vegetal, terra comum e esterco curtido:

Imagem

  • 20o passo – já que a ideia é reciclagem, utilizaremos este equipamento altamente especializado e desenvolvido especialmente para pegar terra e colocar nas suas garrafas (batizado de “pegador de terra”):

Imagem

Note que o tamanho do pegador de terra é exatamente o tamanho do orifício das garrafas. Deste modo, quase não cai terra para fora no momento em que você preenche as garrafas. Por isto, sugiro que vocês também o fabriquem e usem:

Imagem

  • 21o passo – plante as suas mudas de hortaliças. Minha sugestão é intercalar diversos tipos de hortaliças na mesma fileira de garrafas. Por exemplo: muda de alface roxa em uma garrafa, alface lisa em outra, escarola na outra, e assim por diante. Fica mais bonito na hora que as plantas crescem!

Imagem

E aqui está o resultado:

Imagem

Qualquer dúvida, podem comentar no post!

Inté!